O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na cidade de São Paulo, voltou a perder força na segunda quadrissemana de maio ao atingir variação de 0,3%, resultado 0,28 ponto percentual menor que o verificado na última apuração (0,58%). Na primeira prévia, a taxa tinha sido 0,03 ponto percentual abaixo do fechamento de abril (0,61%).

Dos sete grupos pesquisados, o que mais contribuiu para a redução na velocidade inflacionária foi habitação que apresentou queda de 0,29% ante uma alta anterior de 0,25%.

A grande maioria das classes de despesas indica desacelerações com destaque para alimentação que passou de uma alta de 1,08% para 0,58%. Em despesas pessoais, o índice teve variação de 0,3% depois uma elevação de 0,43%, na primeira prévia.

No grupo saúde, o ritmo de correção também perdeu força com alta de 1,36% ante 1,5% e, em educação, o índice ficou em 0,08%, variação menor do que no último levantamento (0,12%). Já em transportes, houve avanço de 0,82% após ter sido registrada alta de 0,55% na pesquisa passada e, em vestuário, o índice subiu de 0,04% para 0,07%.

Fonte: EBC

Por favor, nos siga e compartilhe essa notícia!
LinkedIn0
RSS
Facebook0
Facebook
GOOGLE
SHARE

Comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.